Temer fica; Deputados acaba de recusar o pedido de investigação

A Câmera de Deputados, acaba de recusar o pedido de investigação por corrupção passiva, contra o atual presidente da republica, Michel Temer. Com essa decisão, o processo será arquivado até o fim do mandato. A denúncia partiu da procuradoria da republica (PGR). Temer é acusado de receber vantagens indevidas ofertada pela empresa J&F (dona do frigorífico JBS) por intermédio do ex-deputado Rodrigo Rocha Loures.

Caso à denuncia fosse aceita pelos deputados, o pedido investigação prosseguia para Supremo Tribunal Federal (STF), e Michel Temer ficaria afastado por 180 dias, ou até que o STF conclua o caso. O atual presidente da Câmera dos Deputados, Rodrigo Maia, assumiria  o cargo de presidente do republica, caso Temer fosse afastado.

ipiranoticias.com