Choque de ordem frustra moradores do Loteamento 7 de julho em Ipirá



É cada vez mais visível a falta de planejamento da atual administração de Ipirá. O Loteamento 7 de Julho que corresponde as áreas do Centro Paroquial, Fundal e Casas Populares, desde o início do ano vem sofrendo com buracos, lixo e mato. Várias crateras já se formaram no trecho da ligação Bairro da Cacimba e Centro Paroquial, onde a prefeitura deveria realizar um serviço de drenagem das águas de chuva com manilhas para evitar uma erosão, está entupindo a cratera com resto de construção. Enquanto isso, Embasa sofre com rede de água estourada por veículos que passam na ladeira. O local necessita de uma cobertura de cascalho, porque a tubulação está exposta.

Nesta terça-feira (26), a Secretaria de Infraestrutura enviou para o bairro, uma patrol, duas caçambas e um rolo compressor. Em contato com o responsável pelas máquinas, a redação do CN foi informada que o maquinário iria realizar a recuperação de todas as ruas. No entanto, só foi encascalhado um trecho entre o Centro Paroquial e a residência de Lindelson, um trecho com aproximadamente 200 metros. Ainda no final da manhã, as maquinas foram embora, sem realizar o serviço por completo.

Essa ação só demonstra um desperdício de dinheiro público, com o deslocamento de uma frota mecanizada para um determinado local onde deveria realizar um serviço por completo. Os pontos mais críticos correspondem entre a ligação Centro Paroquial ao Colégio Monsenhor, Rua Idelfonso Oliveira Silva, onde dois veículos já caíram na cratera existente e por pouco não causou uma tragédia. Infelizmente o tal choque de ordem ainda não atingiu essas artérias, até porque esqueceram de ligar a tomada.

Por Caboronga Notícias

Participe de nosso grupo de WhatsApp clicando aqui.

BAIXE NOSSO APLICATIVO