Prefeitura de Ipirá pode está caindo no golpe do falso diploma

Conforme informado nesta quarta-feira (20) pelo atual gestor de Ipirá, Marcelo Brandão, a prefeitura de Ipirá teve seu nome incluído entre 5° colocado na Bahia, e o 45° no Brasil em gestão, transparência e responsabilidade fiscal, em uma relação intitulada como lista foi apresentada pela União Brasileira de Divulgação (UBD). Pesquisando um pouco mais no site dessa empresa, é possível constatar que a veracidade dos dados oferecidos nas pesquisa, é um tanto como duvidosas.

A suspeita fraude diga-se de passagem é bem elaborada com intuito de lesar prefeitos que buscam popularidade e enganar a opinião pública com um diploma embasado em uma pesquisa sem metodologia nenhuma. A U.B.D. (União Brasileira de Divulgação) inicia sua fase organizacional fazendo uma triagem e colhendo os e-mails institucionais das prefeituras ou e-mails similares, a partir de então a empresa tenta entrar em contato enviando um e-mail para notificar as gestões sobre a suposta premiação.
Para dar mais ênfase e importância ao prêmio o Instituto coloca o gestor entre os 100 melhores gestores do Brasil aguçando a vaidade de quem realmente acreditou ser merecedor de tal.
 
O golpe é sempre o mesmo, o gestor que se sentir agraciado com o prêmio só receberá o mesmo se desembolsar cerca de R$ 1,980 reais para comparecer em um evento em Recife, ou então caso não possa comparecer ao mesmo desembolsar o valor de R$ 680 reais para receber o certificado via correios. No site do instituto (acesse aqui) pode se ver o amadorismo, a começar pelo layout do site, totalmente fora dos padrões CSS abusando de iframes, com a aparência de ter sido “feito a facão”. Só há 03 opções, no menu, clicando na opção Contato o usuário é direcionado para uma página com a seguinte frase: Fale Conosco!!! Divulgue o Seu Município Enviando Fotos; fone 81 98809951 e email. ubd@ubd.com.br dando a entender que qualquer gestão que queira ser divulgada pode ganhar destaque ainda que esteja atolada em fraudes.
 
Fizemos uma checagem no site da UBD e pasmem, a relação completa de supostos prefeitos premiados ultrapassa consideravelmente a irônica marca dos 100 como a empresa afirma nos e-mail que envia para as prefeituras cobrando dinheiro para que os gestores possam receber a falsa honraria.
 
 
Quase 500 prefeitos foram informados e distribuídos entre todos os estados da federação estão entre os 100 melhores do Brasil, brincando com a inocência ou patrocinando a malícia de gestores que tentam usar o fato para mudar a opinião pública (as informações anteriormente expostas podem ser confirmadas por qualquer leigo no referido site).
 
A empresa que fala em premiar gestores pela transparência, não se mostra transparente em toda a sua existência, a começar pela míngua de informações no site institucional. A única informação exposta sobre o instituto fraudulento diz o seguinte: ”  A União Brasileira de Divulgação – UBD,  Fundada em l0/05/2001, com a finalidade de divulgar o  através de pesquisas interativas de Gestão Pública, destacando as melhores administrações municipais do Brasil,nas esferas de educação, serviços sociais, infraestrutura e saúde”.
 
Segundo o jornalista pernambucano Madson Vagner, a União Brasileira de Divulgação (UBD), incluiu na relação de premiação dos ‘100 melhores prefeitos do Brasil’, gestores com diversos processos, desmandos administrativos e até mesmo prefeitos cassados.
RESUMINDO: Qualquer prefeito que se disponha a arcar com os míseros valores cobrados pelo instituto, pode ser taxado como dentro da falsa marca dos 100.
 
Por ipiranoticias.com