Jogadora de futebol feminino, natural de Ipirá, exibe com orgulho o troféu de campeã Paulista 2017

Nesta terça-feira (24), aconteceu sede da Federação Paulista de Futebol – FPF a solenidade de entrega da premiação as melhores jogadoras do Campeonato Paulista de Futebol Feminino 2017. Representando a garra e superação da mulher baiana. Lá estava Maria Dias, menina humilde nascida no povoado do Ipirazinho, que através do Projeto Dançar a Vida, desenvolvido pela Paróquia Senhora Santana, sob a coordenação do padre Marco Ferrari, descobriu sua real vocação pelo futebol.

Após ganhar repercussão, o futebol de Maria Dias, chamou a atenção de dirigentes do futebol feminino da cidade de São Francisco do Conde no recôncavo baiano, onde ela tornou-se Bicampeã baiana e artilheira do Baianão.

Não satisfeita, Maria foi mais longe, mostrar o seu futebol em São Paulo, onde no sábado (07), sagrou-se campeã paulista de futebol feminino 2017, jogando pela equipe de São José do Rio Preto.

Aquela menina de família bastante humilde do povoado do Ipirazinho, está sendo conhecida nacionalmente no futebol feminino, sendo hoje a primeira mulher natural de Ipirá a ganhar um título jogando futebol dentro e fora do seu Estado de origem.

Após a solenidade de premiação, Maria Dias exibiu com orgulho o troféu de Campeã Paulista de Futebol Feminino de 2017.

Caboronga Notícias com informações de Jurandi Costa