Populares soltam fogos em “comemoração” de 1 ano de destruição do Mercado de Artes, em Ipirá



Na manhã desta quarta-feira (22), um grupo de pessoas compareceram na Praça José Leão dos Santos, e soltaram fogos em protesto contra o abandono do Mercado de Artes de Ipirá. Hoje faz um ano que a população de Ipirá se uniu, na tentativa de não deixar que o fogo acabasse em minutos, uma história que se construiu ao logo de várias décadas.

Hoje completa um ano de abandono e falta de respeito com a população ipiraense, e principalmente com as pessoas que comercializa ali comercializava seus artesanatos. Durante esse período, a prefeitura de Ipirá já teve dinheiro pra realizar ao menos 3 festas de grande porte em nossa cidade, além gastar valores exorbitantes com marketing, principalmente com propagandas veiculada na TV.

Na manhã desta terça-feira (21), um grupo de artesãos e comeciantes do Mercado de Artes, já havia protestado na Câmara Municipal, para mais uma vez tentar sensibilizar os vereadores a respeito da situação em que eles se encontram.

O Mercado pegou fogo em 22 de novembro de 2016, e de lá para cá, nenhuma providência para amenizar a dor da perda e do desemprego das quase 40 famílias, que comercializavam ali seus produtos, e perderam praticamente tudo com o incêndio.

Por ipiranoticias.com

BAIXE NOSSO APLICATIVO