Bispo trai esposa, é expulso de igreja evangélica e tem vídeo divulgado na web

O bispo João Leite, responsável pela Igreja Universal do Reino de Deus em Angola, foi oficialmente desligado da igreja.  Segundo informações, ele traiu a esposa com pelo menos quatro mulheres, que pertenciam a mesma igreja. A princípio, o assunto era tido apenas como meros boatos de internet, mas a própria instituição religiosa publicou um vídeo do bispo João Leite confessando o pecado publicamente.

Na gravação, o religioso aparece ao lado da esposa traída e confessa o erro, ao mesmo tempo em que pede que todos o perdoasse. O bispo ainda afirma que, mesmo após o erro, irá continuar seguindo os caminhos de Jesus dentro da Igreja Universal. Porém, não mais como bispo da instituição.

O vídeo já alcançou mais de 1 milhão de visualizações apenas na página oficial da igreja no Facebook. Em outras redes sociais, estima-se que o vídeo já tenha alcançado o triplo dessas visualizações. Ainda no vídeo, João Leite afirma que fez a gravação por livre e espontânea vontade, pois não teria sido obrigado a fazer. A esposa, que aparece ao lado, se mostra muito infeliz e com o rosto em lágrimas.

Assista o vídeo abaixo:

João Leite é desligado do corpo eclesiástico da Universal

João Leite é desligado do corpo eclesiástico da Universal A Igreja Universal do Reino de Deus lamenta informar o desligamento de João Leite do seu quadro de pastores e bispos devido à confirmação de infidelidade conjugal. João Leite era responsável da igreja em Angola.A Universal considera o casamento do homem e mulher de Deus um dos maiores termômetros de sua fé. Segundo a Palavra de Deus em 1 Timóteo 3:2, “Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma só mulher…” A falha em cumprir este critério essencial é considerada erro grave que torna o servo de Deus moralmente incapacitado de liderar uma igreja.Portanto, foi com imensa tristeza que todos nós, líderes, colegas, amigos e membros da igreja tomamos conhecimento do fato por meio da confissão de João Leite nos últimos dias. Apesar de afastá-lo do ministério, a Igreja continuará oferecendo apoio espiritual a João Leite e sua família para que encontrem forças neste momento difícil e prossigam para a restauração total de seu lar e comunhão com Deus.Contamos com o respeito à privacidade das famílias e orações em favor de todos que foram afetados por este acontecimento.“Ainda que caia, não ficará prostrado, pois o SENHOR o sustém com a sua mão” (Salmo 37.24).

Posted by Igreja Universal on Monday, February 12, 2018