Palmeiras e Corinthians voltam a decidir um título após 19 ano



Chegou o grande dia! Depois de 19 anos, Palmeiras e Corinthians voltam a decidir um título, neste domingo, às 16h (horário de Brasília), na arena do Verdão.

O Palmeiras saiu em vantagem na primeira final ao ganhar do Timão por 1 a 0, em Itaquera, e levantará a taça em caso de empate. Já a equipe de Fábio Carille precisa vencer por dois ou mais gols de diferença. Caso o Corinthians derrote o rival pela vantagem mínima, o campeão será definido na disputa de pênaltis.

Rivais históricos, os clubes já decidiram o Paulistão cinco vezes, com três vitórias palmeirenses (1936, 1974 e 1993) e duas corintianas (1995 e 1999). Quem levará desta vez?

Palmeiras – Técnico: Roger Machado

Sem confirmar a escalação, o Palmeiras chega para a decisão empolgado com o apoio recebido da torcida no treinamento de sábado. Mas qualquer euforia fica restrita aos torcedores. Durante a semana, Roger Machado e os atletas valorizaram o rival e pediram concentração na decisão.

O treinador, inclusive, não quer saber de “sentar na vantagem”, como o próprio definiu em entrevista coletiva na sexta-feira, e prometeu o Verdão com o mesmo estilo de jogo. Para o lugar do suspenso Felipe Melo, a tendência é que o escolhido seja Moisés.

Desfalques: Felipe Melo (suspenso).

Corinthians – Técnico: Fábio Carille

O Timão terá três alterações na escalação em relação ao primeiro jogo, mas manterá o esquema tático 4-2-4, sem uma referência no ataque. Recuperado de lesão na coxa direita e em melhores condições físicas, o meia Jadson volta a ser titular após um mês fora da equipe. Ele ocupará o lugar de Emerson Sheik.

O camisa 10 jogará ao lado de Romero, que foi o escolhido para substituir Clayson, suspenso por ter sido expulso na decisão. A outra troca no Timão será a entrada de Ralf na vaga de Gabriel. Com isso, Carille entende que a equipe ganha imposição física, sobretudo nas jogadas pelo alto.

Fonte: G1

Participe de nosso grupo de WhatsApp clicando aqui.

BAIXE NOSSO APLICATIVO