Governo não decidiu se vai usar PM para desbloquear estradas na Bahia, diz comandante-geral

O comandante-geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Anselmo Brandão, disse nesta sexta-feira (25) que ainda não há previsão de uso da PM para liberar estradas bloqueadas por protestos de caminhoneiros no estado.

Nesta sexta-feira (25), o presidente Michel Temer autorizou o emprego das Forças Armadas em todo o território nacional para liberar rodovias bloqueadas pela greve e pediu auxílio dos governadores nas ações.

Segundo Brandão, o assunto será discutido pelo governador Rui Costa e o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa. “A princípio, não há intenção de emprego da PM, até porque a maior parte das estradas bloqueadas é federal. Mas ainda estamos recebendo os comunicados sobre a autorização do governo e não sabemos das tratativas e se haverá alguma conversa nesse sentido”, informou.