Os gastos com Publicidade pelo Poder Público sempre foram alvos de questionamentos, principalmente por parte da sociedade civil organizada e dos órgãos controladores. Afinal, quando observamos investimentos milionários neste setor em detrimento de outros considerados de primeira necessidade, como saúde e educação, uma luz de alerta é acesa sobre a aplicação do dinheiro público – que se espera seja transparente e bem gerida em benefício de toda a sociedade.

Mas para que a publicidade se reverta em benefício da sociedade, primeiro, é preciso que ela tenha, no mínimo, os objetivos: a) de viabilização do controle da atividade administrativa e a defesa de direitos individuais ou sociais, e/ou; b) de orientação e educação social. E, segundo, que não haja abuso. Por outro lado, jamais deve ser utilizada para promoção pessoal, ou seja, na busca satisfação de interesses particulares dos administradores.

De acordo com Informações obtidas junto ao Tribunal de Conta dos Municípios (TCM), durante o ano de 2018, os pagamentos da Prefeitura Municipal de Ipirá com a W4 COMUNICACAO & MARKETING LTDA, empesa responsável pela publicidade e marketing da atual gestão no referido ano, foram no valor de R$ 343,803,08  mil (duzentos e setenta e seis mil e duzentos e quatro reais e trinta e seis centavos), o que corresponde a R$ 28.650,25 por mês, que resulta em R$ 941,92 por dia. Esse valor representa um aumento de R$ 67.100,93 (24.22%) em comparação com o ano de 2017, quando foram gastos R$ 276.702,15 (duzentos setenta e seis setecentos e dois reais e quinze centavos) com com empresas do setor

Em 2018, o primeiro pagamento da Prefeitura de Ipirá destinado a W4 COMUNICACAO & MARKETING LTDA ocorreu no dia 02 de fevereiro e o último no dia 28 de novembro de agosto. Essas informações estão publicamente disponíveis na internet e podem ser acessadas por qualquer cidadão através do site www.tcm.ba.gov.br.