O ciclone tropical que se formou neste sábado (23) próximo a costa do Espírito Santo e ao Litoral Sul do Estado da Bahia está em alto-mar, a 150 quilômetros do município baiano de Porto Seguro e não deve passar pelo continente.

De acordo com Paulo Luz, superintendente da Defesa Civil Do Estado (Sudec), a atividade climática se movimenta lentamente em direção ao sul do Espírito Santo.

Apesar da boa notícia, o sinal de alerta para atividades marítimas continua valendo, alertou Luz. “Há risco para qualquer tipo de embarcação no mar enquanto o ciclone estiver vigente”, falou. 

O maior perigo causado pelo fenômeno climático é a formação de grandes ondas, que podem chegar até a 4 metros de altura. A recomendação neste caso é para que a população evite o mar em municípios como Nova Viçosa, Mucuri e outras cidades do Litoral Sul da Bahia até segunda-feira (25). 

“Vamos alertar para que a Defesa Civil de cada município tenha atenção e alerte para que ninguém vá para o mar neste período”, falou Luz. A velocidade dos ventos também deve continuar alta até segunda-feira, acompanhada de chuvas pelo estado. 

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhe nas redes sociais!