Durante pronunciamento na sessão da Câmara de Vereador nesta terça-feira (21), o vereador de situação, Laelson Neves, cobrou do executivo municipal, uma solução sobre suposta irregularidade praticada por empresas responsáveis pelo transporte escolar de Ipirá.

De acordo com o parlamentar, algumas linhas do transporte escolar não foram georreferenciadas e alguns motoristas estão tendo prejuízos.

O georreferenciamento é a medição de quantos quilômetros possui cada linha, e como os motoristas ganham por quilômetro rodado, é necessário que as empresas façam a medição para determinar quanto realmente os motoristas devem ganhar.

Entre outros assuntos, Laelson Neves ainda falou sobre o “desserviço” prestado pelas empresas responsáveis pela coleta de lixo em Ipirá. Assista abaixo: