Saiba quanto cada trabalhador pode sacar de FGTS. Os trabalhadores com saldo positivo na conta do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço) em 31 de dezembro do ano passado devem receber um rendimento de 6,18% sobre a grana.

O percentual corresponde ao rendimento anual do fundo mais o lucro de 2018, que será dividido integralmente com os trabalhadores que têm conta vinculada. O balanço, em análise pela Caixa, mostra que o lucro do ano passado foi de R$ 12,2 bilhões.

As contas do FGTS rendem 3% ao ano mais TR (Taxa Referencial), que segue zerada. Com a distribuição do lucro, segundo o Ministério da Economia, o rendimento do fundo em 2018 deve ser de 6,18%, superando a poupança, que rendeu em torno de 4,55%.

É a terceira vez que o lucro do fundo é distribuído entre os cotistas. A política de distribuição foi implantada no governo Temer, mas a divisão era de metade dos resultados. Agora, todo o valor será distribuído entre os trabalhadores. Em 2016, foram divididos R$ 7,2 bilhões e, em 2017, foram R$ 6,23 bilhões.

A Caixa tem até 31 de agosto para fazer o crédito nas contas do FGTS. A consulta aos valores parados no fundo pode ser feita pela internet ou por telefone. Veja mais abaixo como consultar.

A grana do fundo não pode ser sacada, a não ser nas situações previstas em lei, como para compra ou financiamento da casa própria, na demissão sem justa causa e em casos de doenças graves, como o câncer.

Tag