O presidente Jair Bolsonaro está sendo monitorado após o secretário especial da Comunicação, Fabio Wajngarten, apresentar sintomas de gripe e realizar um teste para o novo coronavírus. A informação é do jornal O Estado de S. Paulo.

Arquivo Web

Os dois estiveram juntos em uma viagem recente do presidente a Miami, nos Estados Unidos. Outros integrantes da comitiva, segundo o jornal, também estão sendo monitorados.

A reportagem diz que o grupo que esteve nos Estados Unidos, incluindo o presidente, passou a receber ligações do gabinete da Presidência pedindo que diante de qualquer sintoma fizesse o comunicado imediatamente e procurasse um hospital militar em Brasília para fazer os exames. Jair Bolsonaro cancelou a viagem que faria ao Rio Grande Norte hoje.

Ele ainda pode ter uma reunião com líderes do Congresso para discutir o combate à pandemia de coronavírus.

Bolsonaro viajaria para Mossoró, onde faria o anúncio de medidas não especificadas do governo federal.

O cancelamento da viagem foi informado pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência. Com o cancelamento da viagem, a agenda do presidente não possui nenhum compromisso oficial para o dia.

Fonte: UOL