Quem anda pelas ruas de Ipirá, consegue observar que a quantidade de animais abandonados na cidade é cada vez maior. Muitos militantes e até mesmo grupos organizados que realizam ações voltadas à causa animal, trabalham para tentar diminuir a quantidade gritante de cães e gatos abandonados. Porém, é necessário também que o poder público contribua fazendo a parte para controlar este número.

De acordo com pesquisas realizadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS), estima que no Brasil existem, entre cães e gatos, mais de 30 milhões de animais abandonados. A proporção é de que há um animal para cada cinco habitantes no país, e desse número, 10% se encontram em situação de abandono.

Muitos são os fatores que desencadeiam o excesso populacional de cães e gatos. As principais causas são a falta de informação e educação por parte da população, descaso do poder público, falta de responsabilidade na guarda dos animais, cruzamento forçado e irresponsável, legislação deficiente ou ausente, reprodução descontrolada de animais soltos, comércio ilegal e ausência de coordenação e auxílio veterinário.