Quinta-feira (10), o grande líder da macacada Diomário Sá, o Dió, falou uma hora, explicando a atitude política do deputado Jurandy Oliveira e justificando o lançamento da pré-candidatura de Dudy pela cúpula do grupo, ao tempo que, fechava a porta definitivamente para a pré-candidatura de Nina, mas como bom estrategista político deixou uma janela aberta para uma composição na chapa com uma possível candidatura de Nina à vice de Dudy.

No início desta semana, um correligionário de Dudy, pessoa de confiança e do alto staff político do pré-candidato fez, pelas redes sociais, um comentário político pertinente em relação à atuação política do deputado Jurandy Oliveira, mas fez um complemento infeliz, inconseqüente e desnecessário ao falar que Nina tinha uma doença em casa, fechando e vedando completamente a janela que estava aberta. Fechando bem fechada, com sete chaves, de uma vez por todas e de maneira irreversível para Nina assumir a condição de vice. Como se sentiu o deputado?

A questão é puramente política. O estrategista Dió argumentou em cima da democracia interna do grupo, mas não abriu mão da indicação do pré-candidato pela cúpula. O deputado falou que acatava o resultado de uma pesquisa de opinião pública para a indicação. Prevaleceu a indicação da cúpula. Isso foi um tiro na cabeça do deputado, maior até do que a insinuação. O deputado morreu?

Ingênuo é quem pensa que o deputado Jurandy é amador na política! O estrategista político Dió reconhece categoricamente que o atual prefeito Marcelo Brandão está atravessando um desgaste descomunal, mas, mesmo diante do fato, ele teme que a irresponsabilidade do atual prefeito eleve os gastos de campanha para a casa dos dez milhões de reais. Com receio e medo de que isso aconteça, a macacada pretende dar uma cacetada certeira na cabeça do prefeito MB, sacando da jacuzada o candidato a vice e o nome preferido é Zé Ricardo, atual vice. O deputado Jurandy perdeu o caminho?

A chapa preferida da cúpula da macacada seria Dudy/Zé Ricado, uma chapa que tem o apoio do senador Otto Alencar. O deputado Jurandy perdeu a briga política? Eu digo NÃO. Embora a porta e janela da macacada estejam hermeticamente fechadas, o deputado está vivo e com um caminho escancarado à sua frente. Poderá trabalhar na construção da chapa Nina / PT de Ipirá com o apoio dos seguidores da candidatura de Aníbal Ramos e essa seria a chapa que teria o apoio do governador Rui Costa, porque politicamente 2022 terá início em 2020.

Incêndio no Camisão. A jacuzada com Marcelo Brandão e na vice um membro da família ou o sacrifício de um vereador jacu (apoio ACM Neto); a macacada com Dudy/Zé Ricardo (apoio do senador Otto Alencar); uma terceira via com Nina/ PT de Ipirá na vice (apoio do governador Rui Costa). Tudo isso dependendo do ressentimento e de um grande posicionamento político do deputado Jurandy Oliveira.

Esse grande incêndio só poderá ser erradicado com bombeiros de Salvador (BA); enquanto isso, a gente vai vivendo e aprendendo com o apoio, com a leitura e a ajuda dos amigos e ‘dos mano’, mano Brau Santos entre eles, ao tempo que vamos observando esse incêndio devastando esta província chamada Ipirá (BA). Parece que isso aqui é coisa perdida; muitos candidatos e nenhum projeto para o município.

Por Agildo Barreto