O governo de São Paulo chefiado pelo pré-candidato a presidência da República, João Dória (PSDB), é alvo de operação da Polícia Federal nesta terça-feira (22).

São cumpridos nesta manhã sete mandados de busca e apreensão. As ordens foram expedidas pela 10ª Vara Criminal Federal de SP.

A operação segue no âmbito de um inquérito que apura o superfaturamento na compra de respiradores para o Estado.

É apontado suposto desvio de R$ 63 milhões através de sobrepreço. Eles também apontam um direcionamento indevido.

Segundo a Polícia Federal, conforme investigação, o Estado de São Paulo adquiriu 1.280 ventiladores pulmonares fabricados na China, de empresa estrangeira, com sócios brasileiros, escolhida por dispensa de licitação, pelo valor de USD 44 milhões (mais de R$ 242 milhões), em abril de 2020, início da pandemia causada pelo coronavírus.

Peritos Criminais Federais realizaram análise do processo e comparação com outras contratações efetivadas pelo Brasil, tendo identificado sobrepreço estimado em mais de R$ 63 milhões, além de elementos que indicam o direcionamento indevido.

Análise por técnicos do Tribunal de Contas do Estado de São Paulo também apontaram que os preços estavam incompatíveis com os de mercado.

Font: https://www.bnews.com.br/