Vídeos mostram destruição causada à duas agências bancárias de Ipirá após serem explodidas por bandidos



Vídeos gravados e divulgados nas redes sociais logo após a investida de bandidos contra duas agências bancária na madrugada desta sexta-feira (04), em Ipirá, mostra a destruição causada pelos explosivos utilizados pelos criminosos.

Na ação, Bradesco foi mais prejudicado pelas explosões. As imagens [vídeo abaixo] mostram que os caixas eletrônicos ficaram totalmente destruídos, em meio a estilhaços de vidro e poeira. A estrutura do banco também ficou comprometida.

 

Já no Branco do Brasil, o impacto causado pelos explosivos tão forte que comprometeu paticamente todo forro do teto, além de danificar uma parede do banco, segundo informações.

O roubo

A ação começou por volta das 2:15hs e durou cerca de 40 minutos, quando uma quadrilha com cerca de 20 homens, atirou contra a sede da 98ª Companhia Independente de Polícia Militar [CIPM] como forma de evitar uma reação policial. Ainda na frente local, situado no bairro Flor da Chapada, o grupo ateou fogo em um carro.  Depois, os bandidos rumaram para a Praça Roberto Cintra onde detonaram as duas agências.

Pacientes que estavam em um ônibus, estacionado perto das agências, e viajariam para tratamento de saúde foram tomados como reféns. De acordo com a 98ª CIPM, eles foram libertados na fuga dos bandidos na BA-052, próximo ao povoado do Pau-Ferro, município de Ipirá.

Durante a ação, saídas das cidade foram bloqueadas. Moradores relataram ter ouvido vários tiros. Capsulas de munição de fuzil foram encontradas nas imediações dos bancos.

Até o momento não se tem informações sobre os valores subtraídos. Também não há informações sobre a identidade dos criminosos. A policia civil está no local em busca de possível pistas que possam identificar os autores do crime.

 

Participe de nosso grupo de WhatsApp clicando aqui.

BAIXE NOSSO APLICATIVO