Novas informações: caminhoneiro de Ipirá é assassinado na BR-101, em Alagoinhas

O motorista Murilo Gomes Alves de 30 anos natural de Ipirá, foi encontrado morto as margens da BR 101 proximidades do trevo de Boa União na Manhã de hoje.

Ele estava de bermuda rosa e camisa azul, e tinha um fio de carregador de celular amarrado no punho direito e apresentava sinais de estrangulamento no pescoço.

Populares informaram a PM que ele ao ser encontrado ainda estava com vida e que foi feito massagem em seu coração no intuito de reanimá-lo, mas sem êxito.

Acredita-se que ele provavelmente entrou em luta corporal com os bandidos que resolveram jogá-lo para fora do veículo, no local existe até um grande marca de freio, levando a crer que ele brigou com o veículo em movimento.

A carreta volvo vermelha modelo FH 520 placa AGE 7197 e o semi reboque AGE 7201, que ele dirigia foi levado pela quadrilha, ela estava carregada de soja e a carga seria entregue em Salvador no porto.

Murilo fez o ultimo contato com a família as 20h30 de ontem quando estava parado em um posto de combustíveis na região de São Gonçalo.

Até as 11 horas de hoje o corpo permanecia ainda no local, sob a responsabilidade de PRF.

Os parentes e Murilo já foram avisados e já estão se deslocando para cá, a fim de fazer o devido reconhecimento e agilizar as providencias cabíveis.

Murilo de 30 anos é filho de Antônio Carlos Santos Alves, popularmente conhecido em Ipirá por Cal do Posto.

O rabecão que único para atender as 27 cidades da região esta em deslocamento.

Os assaltos na BR 101 nesse trecho acontecem com freqüência, mas com registro de morte é raro.

Com informações do site Aragão Notícias