A Viação Itapemirim pediu à Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) a suspensão do atendimento em 73 mercados em que atua, o que inclui rotas para Salvador e Feira de Santana, na Bahia. As informações são da Folha de S. Paulo.

O pedido foi atendido em portaria publicada no Diário Oficial da União (DOU), e a suspensão já começa a valer no dia 27 de janeiro. Cada mercado corresponde a uma cidade por onde passa uma linha da empresa.

O grupo Itapemirim é dono da viação de mesmo nome e da companhia aérea ITA, que anunciou a suspensão dos voos no último dia 17, deixando milhares de clientes sem transporte.

Segundo a ANTT, o passageiro que tem bilhete para alguma das rotas suspensas tem direito ao reembolso em até 30 dias, bastando declarar sua intenção em formulário que a empresa vai fornecer.

Desde 2016, o grupo está em recuperação judicial. Em nota, a Itapemirim afirmou que apresentou um “plano de reestruturação logístico e operacional” para diminuir custos e melhorar os resultados financeiros nas rotas de longa distância.

Veja as 16 linhas que serão suspensas:

– AREIA (PB) – RECIFE (PE)

– BELO HORIZONTE (MG) – RECIFE (PE)

– BRASÍLIA (DF) – MACEIÓ (AL)

– CACHOEIRO DE ITAPEMIRIM (ES) – CAMPOS DOS GOYTACAZES (RJ)

– CALDAS NOVAS (GO) – MACEIÓ (AL)

– FEIRA DE SANTANA (BA) – FORTALEZA (CE)

– RECIFE (PE) – BARRA DO GARÇAS (MT)

– RECIFE (PE) – CURITIBA (PR)

– RECIFE (PE) – FOZ DO IGUAÇU (PR)

– RECIFE (PE) – RIO DE JANEIRO (RJ)

– RECIFE (PE) – SÃO PAULO (SP)

– RIO DE JANEIRO (RJ) – TERESINA (PI)

– SALVADOR (BA) – SOBRAL (CE)

– SÃO PAULO (SP) – JOÃO PESSOA (PB)

– SÃO PAULO (SP) – SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE (PE)

– TERESINA (PI) – BELÉM (PA)

Fonte: Correio