Curtir o Carnaval de Salvador 2024 sem culpa no cartório foi uma alternativa usada por um líder de facção criminosa no último domingo (11). No entanto, apesar da atitude, o indivíduo foi preso momentos depois. Ainda assim, ele fugiu da Central de Flagrantes da Polícia Civil da Bahia (PC-BA), no bairro da Ondina.

Somente nesta quarta-feira (14), o meliante retornou à cadeia. Jeferson Santos Conceição, conhecido como ‘Gel Burro’, se apresentou na Coordenação de Polícia Interestadual (Polinter), ao lado de seu advogado.

Todavia, conforme informações obtidas pelo BNews, ele teria recebido uma ‘mão amiga’ para sair da detenção antes de se apresentar. Dessa forma, foi instaurado um processo administrativo disciplinar, para apurar a conduta de ao menos três policiais. 

Eles teriam “adotado conduta negligente na guarda de custodiado, resultando na facilitação da fuga do preso de iniciais J.S.C., encarcerado no posto policial após ser localizado pelo sistema de reconhecimento facial, conforme consta no BO nº 103030/2024. Fato ocorrido em 11/02/2024, às 23h30, no Posto de Carnaval/2024”.

Com isso, os policiais responderão processo pela fuga de Gel Burro. Ainda conforme apurado pela reportagem, eles foram removidos da escala de Carnaval no dia seguinte à primeira prisão.

Fonte: Bnews

Siga-nos no Instagram e acompanhe as notícias no Google News – Participe do nosso grupo no WhatsApp