É falsa a notícia de que uma criança foi registrada em um cartório de Serra, no estado do Espírito Santo, com o nome “Alquingel”. A informação circula nas redes sociais e chegou a ser publicada na manhã desta terça-feira (24) por este site.

O conteúdo citou de forma inverídica que o registro ocorreu após os pais terem conseguido autorização da Justiça capixaba para prestar uma homenagem inusitada à pandemia do novo coronavírus, o Covid-19.

A notícia falsa também coloca que a família teria outro filho chamado “Influenza”, o que seria uma menção ao vírus gripal. da gripe.

Por BNews