Um homem morreu, nesta terça-feira (30), após ser atingido por uma explosão enquanto realizava o conserto de um ar-condicionado em Maceió (AL). Segundo o Corpo de Bombeiros, o cilindro de gás explodiu, atingindo Gyula Morais Csheses, de 39 anos, na última segunda (29).

Gyula sofreu deformidade no rosto, fratura de crânio e queimaduras graves. Ele foi socorrido já desacordado e morreu no Hospital Geral do Estado (HGE).

Conhecido como Titico, a vítima tinha uma empresa de climatização e refrigeração no município de Coruripe. Ele deixa seis filhos. 

Em nota enviada ao g1, a Elgin, fabricante do ar-condicionado que explodiu, disse que apura os detalhes do acidente.

A ELGIN, fabricante de equipamentos de ar-condicionado, no mercado há mais de 70 (setenta) anos, com vasto portfólio de produtos, sendo uma marca reconhecida por sua qualidade, credibilidade, inovação e respeito ao consumidor, prezando sempre pela excelência e segurança de seus produtos, em cumprimento e atenção aos princípios de clareza e transparência, vem por meio desta NOTA OFICIAL comunicar que tem conhecimento do incidente ocorrido na cidade de Maceió, na data de 29/01/2024, durante o manuseio de um dos produtos de seu portfólio de ar-condicionado.

A ELGIN se solidariza com a família e Informa ainda que o prestador técnico, envolvido no incidente, foi socorrido e atendido, e está recebendo todo suporte profissional necessário.

A ELGIN esclarece que o referido prestador técnico não faz parte de sua rede autorizada e/ou credenciada.

A ELGIN lamenta profundamente o ocorrido e reitera que segue todos os procedimentos e normas técnicas, sendo certificada pelos órgãos competentes, e que está apurando todos os detalhes do incidente.

DIRETORIA ELGIN.

Fonte: Bnews