Um homem que estava em um baile funk no Jardim Imperador, Zona Leste de São Paulo, fez um gesto obsceno na direção do helicóptero do programa Brasil Urgente, apresentado por Datena.

O câmera filmava a aglomeração quando o rapaz subiu no capô de um carro e mostrou o dedo do meio para a esquipe de reportagem. Ao vivo, Datena rebateu a provocação e disse: “Vai você, ‘cumpade’”.

Foto: Reprodução/Band

O repórter André Aguiar respondeu: “Se eu fosse dono do carro, não gostaria que subissem em cima desse jeito, né, Datena?”

Datena continua: “Nem você não sendo dono do carro. Mas parece que não é, não. Os caras estão é zoando com o carro de alguém ali. Abriram o teto solar, um vai em cima do carro, outro vai em cima do carro, sabe-se lá de quem é o carro, se é carro roubado ou não. Parece que não”.

Antes do rapaz aparecer, o apresentador falava sobre as pessoas que estavam em cima de um carro. “Subiram em cima do carro, eu não sei se é carro de alguém que participa da festa ou se é alguém que se perdeu por aí. É bom dar o endereço, porque se alguém se perder por aí pode acontecer a mesma coisa”.

Fonte: Varela Notícias