Ações integradas entre policiais civis e militares resultaram na prisão de um homem e na apreensão de aproximadamente 420 quilos de maconha, em Jauá, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), na quinta-feira (26). Conforme investigações da Delegacia de Homicídios Múltiplos (DHM), a droga estava armazenada em uma casa utilizada como depósito.

O entorpecente foi apresentado à imprensa, na sede do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), nesta sexta-feira (27), pelo titular da DHM, delegado Odair Carneiro, o comandante de Policiamento Regional da Capital Atlântico (CPRC-Atlântico), coronel Saulo Roberto e a major Leila Aragão, comandante da 35ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM).

De acordo com o delegado Odair Carneiro, a maconha seria distribuída em Camaçari e nos bairros da Pituba, Boca do Rio e Nordeste de Amaralina, em Salvador, além de Simões Filho. “Foram dois meses de investigações em parceria com a PM. Este homem tem duas passagens por tráfico e é suspeito de distribuir esses entorpecentes para diversos grupos criminosos”, afirma.

Além do material apreendido por policiais do Comando de Policiamento Regional da Capital Atlântico (CPRC-Atlântico), dois veículos também foram encontrados com o suspeito. O coronel Saulo Roberto pontuou a relevância interação entre as duas forças policiais. “A partir de uma prisão, realizada há dois meses, iniciamos os trabalhos integrados, o que possibilitou chegarmos ao fornecedor. Seguiremos com ações conjuntas para continuar coibindo a criminalidade”, comentou.

O homem passou por exames de lesões e está à disposição do Poder Judiciário. A droga será periciada no Departamento de Polícia Técnica (DPT).

Ascom Polícia Civil