Diante da fome é difícil priorizar um lápis de cor, uma caneta ou um caderno, mas a educação representa oportunidade e esperança para crianças e adolescentes de baixa renda, construírem um futuro melhor para eles e para suas famílias. Por isso, a Legião da Boa Vontade (LBV), contou com o apoio de colaboradores e parceiros e investiu na educação de meninos e meninas de comunidades carentes na Zona Rural de Ipirá, entregando 300 kits com materiais escolares para eles. O objetivo é incentivar o estudo, mesmo diante da pandemia e ajudar na renda familiar dessas famílias, visto que, com esses kits, os responsáveis não precisarão comprar materiais pedagógicos para os pequenos.

Os kits escolares foram entregues às crianças da Escola Municipal Carlos Carneiro, do povoado Nova Brasília, da Escola Municipal Raulindo Pindobeira, da região do Calumbi e das Escolas Municipais nucleadas a esse povoado, mas situadas em regiões mais distantes, como a Escola Municipal Água Branca, situada na Fazenda Água Branca e Escola Municipal Georgina Mascarenhas, situada na Fazenda Lagoa das Pedras.

A diretora Luiza Mendes Rios, professora há 20 anos em Ipirá, agora na direção das Escolas Municipais Raulindo Pindobeira, Água Branca e Georgina Mascarenhas contou que as crianças não tinham todos esses materiais em casa, pois a escola só conseguiu oferecer um lápis e uma borracha por família, e destacou a importância desses kits para cada aluno. “É um presente de Deus! É uma emoção que não dá para transparecer, principalmente porque a máscara esconde um pouquinho, mas a felicidade é muito grande, dos alunos, levarem pra casa esse kit e trazer as atividades tudo bem feitinha daqui há 15 dias, que é quando eles vão retornar”, destacou a diretora.

Cada kit escolar foi composto por cadernos, régua, lápis de cor, giz de cera, estojo com lápis, canetas, apontador, borrachas, tesoura, tubos de cola, entre outros materiais que foi motivo de muito sorriso para a pequena Deisianne, de 8 anos e o irmão David, de 3 anos. A mamãe Daiane Lima Moreira, vendo a alegria dos filhos, embargou a voz na hora de agradecer: “Eu sou mãe sozinha, estou agradecendo a LBV por esses kits, porque vai ser uma grande ajuda pra mim que não tinha como comprar esses materiais para eles… O pai deles não me ajuda, sobrevivo só do bolsa família e da ajuda da avó deles, então estou muito feliz, obrigada de coração mesmo”, disse a mãe emocionada.

Depois de receber o kit, Karine Lima Pereira, de 11 anos, revelou que quando crescer quer ser médica para ajudar as pessoas e agradeceu pelo kit: “Quero agradecer, porque vai servir pra eu estudar e estudar é importante pra nós ser um dia alguma coisa na vida”, agradeceu Karine.

Além dos kits pedagógicos, o que também fez a alegria da criançada foi a doação de biscoitos de polvilho, da Companhia Aérea Azul e das pipocas doces doadas pela Associação Beneficente Nina Gomes (ABENG), que levou uma equipe de voluntários para ajudar durante toda entrega, na higienização e organização das crianças para evitar aglomerações, foram entregues máscaras, ajudando a garantir todos os cuidados para prevenção do novo coronavírus.

O Adson Soares, voluntário da ABENG destacou a sua emoção “Eu estou muito emocionado, no que eu vi hoje nos olhos de cada aluno e pais de aluno que pode ter acesso ao seu kit escolar, mesmo que as aulas estejam de forma remota. Eu tenho certeza que vai fazer a diferença na vida de cada um deles”.

Também quer ajudar essas famílias e investir no futuro de nossas crianças? Participe da campanha da LBV Criança Nota 10 — Proteger a infância é acreditar no futuro! A Solidariedade não pode parar e é fundamental para que esse trabalho continue amparando mais famílias. Para doar, basta acessar o site www.lbv.org.br. Confira a cobertura das doações, acessado o endereço @lbvbrasil no Facebook, no Instagram e no YouTube.