Dois pilotos da Air France foram suspensos após lutarem fisicamente na cabine em um voo Genebra-Paris em junho, disse um funcionário da Air France neste domingo (28).

O jornal La Tribune, da Suíça, informou que o piloto e o copiloto tiveram uma disputa logo após a decolagem, e se agarraram pelos colarinhos após um aparentemente bater no outro. A tripulação interveio e um membro passou o voo na cabine com os pilotos, segundo o relatório.

Apesar da briga ter ocorrido em junho, a notícia da luta surgiu depois que a agência francesa de investigação aérea BEA emitiu um relatório na quarta-feira (24) dizendo que alguns pilotos da Air France não têm rigor em respeitar os procedimentos durante incidentes de segurança.

O relatório se concentrou em um vazamento de combustível em um voo da República do Congo para Paris em dezembro de 2020, quando os pilotos redirecionaram o avião, mas não cortaram a energia do motor ou da aterrisagem o mais rápido possível, como o procedimento de vazamento exige. O avião pousou em segurança no Chade, mas o relatório da BEA avisou que o motor poderia ter pegado fogo.

Outros três casos semelhantes, entre 2017 e 2022, também foram mencionados e o relatório diz que alguns pilotos estão agindo com base em sua própria análise da situação em vez de protocolos de segurança.

A Air France disse que está realizando uma auditoria de segurança e comprometeu-se a seguir as recomendações da BEA, que incluem permitir que os pilotos estudem seus voos depois e tornar os manuais de treinamento mais rigorosos em relação a adesão ao procedimento.

A companhia aérea observou que voa milhares de voos diariamente e o relatório menciona apenas quatro incidentes de segurança desse tipo.

Os sindicatos de pilotos da Air France têm insistido que a segurança é primordial para todos os pilotos e defenderam ações piloto durante situações de emergência.

A BEA também investigou um incidente em abril envolvendo um voo da Air France do aeroporto JFK de Nova York que sofreu problemas de controle de voo na aproximação de seu pouso em Paris.