O presidente Jair Bolsonaro (PL) foi alvo de um grande protesto horas antes discursar na Assembleia-Geral das Nações Unidas na manhã desta terça-feira (20). Uma projeção com fortes críticas contra ele foram exibidas na lateral da sede da ONU em Nova York.

A intervenção chamou o presidente de “Brazilian shame” (vergonha brasileira, em tradução livre), além de “mentiroso” e “desgraça”.

Segundo a organização U.S. Network for Democracy in Brazil, segundo o jornal O Estado de São Paulo, a projeção foi feita em contraponto ao discurso do candidato à reeleição.

O termo “Bolsonaro Vergonha Mundial” entrou para os trending topics do Twitterl, um dia após a hashtag “Bolsonaro World Shame” (Bolsonaro vergonha mundial, em tradução livre) também entrar para os trending topics.

Fonte: BNews