A Prefeitura de Baixa Grande, na Bacia do Jacuípe, divulgou nesta quinta-feira (19) que suspendeu, por 30 dias, a comercialização de insumos alimentícios na feira-livre da cidade para os ambulantes/feirantes que não residem no município. A determinação se deu como forma de previnir o contágio por coronavírus (Covid-19).

De acordo com o decreto baixado pelo prefeito Heraldo Miranda, “somente serão comercializados no Mercado Municipal de Baixa Grande os gêneros alimenticios oriundos de feirante/ambulantes residentes no próprio município“, fica assim proibido a participação de comerciantes de outras regiões pelo período de 30 dias.