Os filhos do comerciante aposentado, Almiro Assis Medrado, conhecido por Mirão do Bar, pai do Radialista Almiro Junior, da Ipirá FM, estão indignados com a demora do sistema de regulação do estado da Bahia em atender seu pai.

O aposentado de 75 anos sofreu um AVC Hemorrágico no último domingo, dia 04, constatado em exame de tomografia. Desde então, os filhos têm tentado sensibilizar diversas autoridades sobre o estado de saúde do pai.

Eles relatam ainda a falta de dados no laudo do sistema de regulação, emitido pela UPA do município, onde não consta o exame tomografico, o que impede a rápida transferência para a capital baiana, onde o atendimento com neurocirurgiões é feito.

Segundo Fernanda Medrado, profissional da área da saúde e filha do paciente, as informações no laudo são incompletas, o que dificulta o entendimento dos profissionais da central de regulação.

Flávia Danila, filha do aposentado afirma que o nível de consciência do pai caiu consideravelmente nesta terça-feira, temendo pela vida dele. “Será que vão deixar acontecer o pior? Meu pai é um cidadão que pagou impostos a vida inteira, e agora que precisa de atendimento é deixado a própria sorte?”.