O sumiço do presidente Jair Bolsonaro (PL) após derrota nas urnas para o ex-presidente Lula (PT) tem chamado atenção. Desde o resultado que consagrou a vitória do petista, Bolsonaro tem evitado aparições públicas, entrevistas e até agendas nacionais e internacionais.

Neste sábado (19), viralizou um vídeo no qual Maria Christina Mendes Caldeira, ex-mulher do presidente do PL e amigo de Bolsonaro, Valdemar Costa Neto, faz revelações sobre a atual rotina do presidente derrotado.

As revelações foram feitas durante live direcionada para Valdemar Costa Neto com críticas sobre ‘contestação de democracia’. “Não se contesta democracia. Você não é o Trump (ex-presidente do EUA), nem essa coisa aí do seu lado é o Trump, que não trabalha”, disse referindo-se a Jair Bolsonaro. “Desde o dia que perdeu a eleição tá no sofá, vendo Netflix e picotando documento. Ou tentando dar ‘pau’ em computador para apagar as coisas que ele aprontou”, afirmou.

O caso citado por Maria Christina foi o´ocorrido logo após derrota para Lula. Os computadores do Palácio do Planalto foram apagados após suposta ameaça de vírus na rede da Presidência da República. Na época um texto disparado para os funcionários do setor de informática com orientação de formatação dos equipamentos e reinstalação do sistema operacional das máquinas.

Segundo informações da Folha de São Paulo, ao que tudo indica os dias do presidente Jair Bolsonaro, não têm sido fáceis. Isolado desde o o resultado do pleito no segundo turno, Bolsonaro estaria insatisfeito com a espera para que o petista assuma a Presidência da República.

Fonte: Bnews