A identificação do superfungo Candida auris, que motivou um alerta da Anvisa nesta segunda-feira (7), aconteceu em uma Unidade de Tratamento Intensivo de um hospital da rede privada de Salvador. Esse pode ser o primeiro caso positivo no país. 

O episódio mobilizou o governo baiano, o hospital privado em que o fungo foi identificado, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária, Ministério da Saúde e a Universidade de São Paulo (USP).

Todos este entes trabalham em colaboração para esclarecer a situação e tomar as medidas cabíveis necessárias para afastar a ameaça à saúde pública.

Por Bahia Notícias