O programa Partiu Estágio anunciou abertura de seleção com 2.973 vagas para universitários na Bahia. As oportunidades serão distribuídas entre 61 órgãos e entidades da administração pública, alocados em Salvador e em 173 municípios do interior.

As inscrições devem ser feitas através do site do programa, a partir de quarta-feira (24), e seguem até o dia 26 de março. A carga horária é composta de quatro horas diárias de atividades supervisionadas, chegando a 20 horas semanais. Além da bolsa-estágio, os universitários terão direito a auxílio-transporte e 30 dias de recesso remunerado, proporcionais.

As vagas são voltadas para estudantes universitários regularmente matriculados em instituições de ensino superior estaduais, federais e privadas, com sede/pólo na Bahia, e que cursem graduação nas modalidades presencial ou EAD.

A inscrição no edital assegura a inclusão do universitário no Banco de Jovens para Estágio (com validade de seis meses), desde que o estudante cumpra os pré-requisitos do programa: ter mais de 16 anos, ser residente na Bahia e ter concluído pelo menos 50% do curso.

Como nos editais anteriores, o programa Partiu Estágio terá a reserva de 10% das vagas ofertadas para portadores de deficiência física. Sobre o quantitativo de vagas não reservadas, terão prioridade universitários inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico), seguidos daqueles que tenham estudado todo o ensino médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada. Não poderão se inscrever estudantes beneficiados pelo Projeto Estadual de Auxílio Permanência.

O estudante deve acessar o site do Partiu Estágio e criar uma conta, informando CPF, nome, data de nascimento e e-mail válido. O sistema enviará automaticamente para o e-mail cadastrado os dados para acesso ao sistema de inscrição.

O candidato que já tiver realizado cadastro para editais anteriores não precisa fazer o procedimento novamente; basta utilizar seu e-mail e senha para acesso.

Para acessar ao sistema, o candidato deverá preencher os dados cadastrais e, em seguida, sinalizar seu curso, o turno das aulas e em qual cidade reside e estuda, além dos órgãos onde pretende estagiar.

O máximo de três opções deve ser selecionada, em ordem de preferência. O candidato deve estar atento e, é preciso identificar no edital seu curso e a disponibilidade de vagas para cada órgão, observando se as oportunidades de estágio estão localizadas no município de sua residência ou no qual estuda.

Após finalizar a inscrição, o candidato receberá no e-mail cadastrado o comprovante de inscrição. A lista completa das vagas poderá ser consultada no edital, publicado no Diário Oficial do Estado (DOE), disponível para consulta no site do programa e também no site da Secretaria da Administração.

As convocações acontecerão por e-mail, SMS e lista de selecionados, de acordo com a necessidade da administração pública.

O contrato tem duração máxima de um ano, sem possibilidade de prorrogação, exceto quando o estudante seja deficiente físico.

Fonte: G1