O governador Rui Costa (PT) se envolveu em uma nova polêmica após comparar, em entrevista à televisão, a demora para aprovar a vacina Sputnik V com um defensor agrícola. Segundo Rui, se fosse um defensor, a Anvisa já teria autorizado o uso.

A comparação de Rui caiu como uma bomba para a bancada de oposição da Assembleia Legislativa, que disse chamou a fala do governador de “desserviço”.

Foto: Reprodução / TV

“A comparação equivocada do governador é um desserviço para a sociedade. Vamos destacar que os defensivos cumprem um papel importante no combate às pragas e na qualidade da nossa produção, impactando também no preço da cesta básica”, escreveu o líder da oposição na Alba, Sandro Régis (DEM), em suas redes sociais.

Outro parlamentar que se pronunciou após a fala de Rui foi Paulo Câmara (PSDB), que ainda explicou o processo de aprovação dos defensivos.

“Três esferas federais totalmente independentes e sem nenhuma ingerência política. Um defensivo agrícola demora de oito a dez anos para ser aprovado. Se for genérico, de quatro a seis anos”, disse o tucano.

Fonte: Política ao Vivo