A Caixa Econômica Federal paga o auxílio emergencial para 3,4 milhões de beneficiários em todo o país nesta sexta-feira (4). São trabalhadores inscritos que estão no ciclo 5 do calendário de pagamentos e que nasceram em agosto.

Do total de inscritos que recebem nesta sexta, 100 mil são trabalhadores informais, desempregados e microempreendedores individuais (MEI) que ainda vão receber o auxílio integral, no valor de R$ 600 (R$ 1.200 para mães chefes de família).

Os outros 3,5 milhões de brasileiros inscritos vão receber o auxílio emergencial extensão, com valor reduzido. Para esse grupo, serão pagas as parcelas de R$ 300 (sendo R$ 600 para mães chefes de família).

O recurso só poderá ser sacado ou transferido no dia 18 de janeiro do ano que vem. Até lá, o dinheiro pode ser movimentado pelo aplicativo Caixa Tem, onde é possível pagar boletos, fazer compras na internet com o cartão de débito virtual ou pagar com QR Code em maquininhas de cartão de estabelecimentos físicos.

O benefício, criado em abril pelo governo federal a fim de auxiliar trabalhadores informais, desempregados, microempreendedores individuais, entre outros grupos vulneráveis, foi estendido até 31 de dezembro por meio de medida provisória. 

Serão pagas até quatro parcelas extras, a depender do mês em que o trabalhador começou a receber. Quem teve o auxílio liberado mais tarde receberá menos parcelas.

Fonte: A Gazeta