A polícia encontrou na casa do ator da Globo, José Dumont, um comprovante de transferência de R$ 1 mil feito ao garoto de 12 anos que motivou a busca e apreensão. Segundo o jornal Extra, a transferência foi feita após o crime. Acusado de pedofilia e estupro de vulnerável, o ator é investigado pela Delegacia da Criança e do Adolescente Vítima. A polícia também encontrou 240 arquivos de pornografia infantil, o que teria motivado a prisão do acusado.

Segundo as investigações, ele se aproveitou da fama e prestigio para manter relacionamento com o garoto, que era seu fã, e lhe ofereceu ajuda financeira e presentes.Ele foi preso em flagrante na quinta-feira, 15, e teve a prisão convertida em preventiva. O juiz Antonio Luiz da Fonseca Lucchese, argumentou que “a situação tem contornos de gravidade” e o material encontrado com o ator indicia reiteração criminosa.

Fonte: Bnews