Viralizou nas redes sociais nesta quarta-feira (4), um vídeo de um suposto exorcismo em uma mulher que estaria supostamente possuída por diferentes demônios. 

Na gravação, a mulher envolveu o nome do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) e da primeira-dama, Janja da Silva, ao dizer que ambos queriam “ acabar com o Brasil” 

No vídeo gravado em um culto evangélico o pastor apoiador do ex-presidente, Jair Bolsonaro, começou a conversar com a mulher e pergunta a um dos supostos demônios: “você é quem está no presidente Lula?”, e a fiel responde que sim, e grita “cachaça”. 

O líder religioso questionou novamente e ao decorrer da conversa, a mulher supostamente possuída diz que o presidente queria instaurar uma ditadura comunista no país, e que “muitos crentes votaram para ele”. 

Os termos “destruição”, “guerra”, “maldição” e “fome” também foram mencionados. O pastor ainda pergunta à fiel supostamente possuída sobre “ qual demônio pertencia a Janja”. 

“Na sequência, ainda é dito que Janja também está sendo controlada por um demônio. O pastor concluiu o vídeo dizendo ao suposto do demônio “diga para a Janja e para o nove dedos que estou tirando eles da presidência”, disse o líder religioso se referindo ao presidente, Lula. 

Fonte: Bahia Notícias