Uma pistola foi furtada dentro da Feira Internacional de Segurança e Defesa, que aconteceu na manhã desta terça-feira (2) na Zona Oeste do Rio de Janeiro. Entre os presentes no evento estavam o vice-presidente Hamilton Mourão (PRTB), o ministro da Defesa, Fernando Azevedo e Silva, o governador do Rio, Wilson Witzel (PSC), e o prefeito da capital fluminense, Marcelo Crivella (PRB).

Segundo o G1 RJ, a assessoria do evento LAAD Defence and Security 2019, disse que se trata de uma pistola não funcional, ou seja, um equipamento que não possui as partes fundamentais para o seu funcionamento. Ela foi retirada do local pouco antes do evento começar.

“As autoridades militares responsáveis pelo licenciamento de armas de fogo na LAAD foram informadas e compareceram imediatamente ao local do incidente. Estamos ajudando as autoridades relevantes em suas investigações”, diz a nota enviada ao portal.

De acordo com a publicação, a situação causou tumulto e a empresa responsável pelo estande decidiu retirar as armas que estavam expostas. Elas estavam presos por um fio de aço para que os interessados no armamento pudessem manuseá-las.

Fonte: Bahia Notícias

Compartilhe nas redes sociais!