Uma igreja evangélica da Serra, na Grande Vitória, está sorteando entre seus fiéis uma espingarda calibre 12.

A Igreja Povo da Cruz está vendendo 250 bilhetes de uma rifa, por R$ 100 cada um, para conseguir recursos para uma reforma do espaço kids do templo. O anúncio do sorteio foi publicado nas redes sociais pela igreja.

A arma foi doada por um membro da igreja que mora em Goiânia.

De acordo com a igreja, o sorteio da arma será realizado quando todos os bilhetes forem vendidos e a rifa arrecadar R$ 25 mil. A Povo da Cruz divulgou também que o vencedor deve estar devidamente habilitado para portar a espingarda.

Igreja evangélica está sorteando espingarda calibre 12 para reformar templo — Foto: Reprodução/Rede social

Decreto proíbe sorteio de armas e munição
Armas e munição fazem parte de uma lista de objetos que não podem ser sorteados, de acordo com o decreto nº 70.951 do Governo Federal, que dispõe sobre a distribuição gratuita de prêmios, mediante sorteio, vale-brinde ou concurso.

Em seu artigo 10º, o decreto diz que “não poderão ser objeto de promoção, mediante distribuição de prêmios medicamentos, combustíveis e lubrificantes, armas e munição assim como explosivos, fogos de artifício ou de estampido, bebidas alcoólicas, fumo e seus derivados”.

O Ministério Público Federal (MPF-ES) foi procurado pelo g1, que perguntou à respeito das regras do sorteio de armas e também se o órgão vai se posicionar sobre o caso. Até a última atualização da reportagem, o órgão não havia retornado.

Fonte: G1